Alterações ao atendimento nos Serviços Municipais Alterações ao atendimento nos Serviços Municipais

Retornar para página inteira
Voltar

Município de Vila Verde investe 400 mil euros - Extensão de Saúde do Vade reabre integralmente requalificada

A Extensão de Saúde do Vade voltou a entrar em funcionamento depois de uma profunda requalificação totalmente executada a expensas da Câmara Municipal de Vila Verde.

A necessidade imperiosa de dotar este equipamento de saúde das melhores condições para a prestação de serviços de elevada qualidade à população da zona do Vade, no norte do concelho de Vila Verde, motivou a realização de obras no sentido da renovação das instalações e do redimensionamento e reorganização dos espaços.

investimento global, que ascendeu a 400 mil euros, foi integralmente garantido pelo Município de Vila Verde que, assim, uma vez, mais, substituiu o Estado na realização de uma obra que era da total responsabilidade e competência da Administração Central.

Mas o mais importante, segundo o Presidente da Câmara Municipal, Dr. António Vilela, “é sabermos que, com o nosso esforço e fruto de uma rigorosa gestão dos recursos do Município, conseguimos realizar mais uma obra fundamental para elevar a qualidade de vida das pessoas e para criar todas as condições para que a população das freguesias mais periféricas ali se fixe, contrariando a tendência para a desertificação desses territórios.”

Esta Extensão de Saúde reabriu, no início desta semana, com dois médicos ao serviço a pleno tempo, profissionais de enfermagem e auxiliares que garantem a prestação serviços de saúde de excelente qualidade.

O Dr. António Vilela releva também a importância do trabalho de parceria desenvolvido com a Junta de Freguesia da União de Freguesias do Vade e enaltece o empenho e o apoio inexcedíveis do seu Presidente, o Eng. Carlos Cação, para que esta obra tenha chegado a bom porto.

            O Mesmo Edil sublinha que “o Município tem vindo a fazer um esforço acrescido no financiamento de obras a que o Estado não tem dado resposta, pois esta é a única forma de as mesmas serem executadas para benefício da população”, e aduz que “o mesmo se verifica, por exemplo, com a obra de remoção do amianto na Escola Básica de Moure e com a requalificação do Centro de Saúde de Pico de Regalados, entre outras, intervenções que deviam ser da inteira responsabilidade do poder central, mas que vão ser, em grande medida, custeadas pela Câmara Municipal de Vila Verde.”

A breve trecho, terão também início obras de requalificação da zona envolvente ao Pavilhão Gimnodesportivo do Vade e do centro urbano da freguesia de Atães, mais um investimento do Município de Vila Verde no sentido de reforçar a atratividade do território, de promover a fixação da população local e a captação de novos residentes.

Município de Vila Verde,30.12.2021