Pular para o conteúdo

Covid-19 Informação

Notícias Notícias

Voltar

ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS 2021 - Já pode pedir, a partir de hoje, para exercer o seu direito de voto uma semana antes, numa mesa de voto à sua escolha

Os portugueses que não puderem votar nas presidenciais em 24 de janeiro podem pedir, a partir de hoje, para exercer o seu direito de voto uma semana antes, numa mesa de voto à sua escolha.

O voto antecipado em mobilidade foi alargado por lei aprovada no parlamento e pode ser feito na sede de cada um dos 308 concelhos do país, em vez da sede do distrito, como aconteceu nas eleições legislativas de 2019.

Assim, quem quiser antecipar o seu voto para 17 de janeiro, numa qualquer câmara municipal, em vez do dia 24 na mesa de voto onde está inscrito, tem de o até quinta-feira, 14 de janeiro.

O pedido pode ser feito por via eletrónica junto do Ministério da Administração Interna no "site" www.votoantecipado.mai.gov.pt ou através de correio normal.

O eleitor deve mencionar o nome completo, data de nascimento, número de identificação civil, morada, mesa de voto antecipado em mobilidade onde pretende exercer o direito de voto, endereço de correio eletrónico e/ou contacto telefónico, havendo uma minuta na página da Internet do Ministério da Administração Interna.

No dia 17 de janeiro, o eleitor vota na mesa do local escolhido, de acordo com a alteração à lei, aprovada em outubro pela Assembleia da República.

 

MENOS ELEITORES POR MESA DE VOTO

O número de secções de voto vai aumentar, para evitar grandes concentrações. Haverá um reforço do número de assembleias de votos, ou seja, os habituais 1.500 cidadãos por mesa de voto foram reduzidos para 1.000.

A Comissão Nacional de Eleições pede ainda que cada eleitor deve levar a sua própria caneta para votar, para não haver partilha de objetos que sejam utilizados por várias pessoas.

 

IDOSOS PODEM VOTAR NOS LARES

Também nestas presidenciais nem todos os eleitores terão de se deslocar a uma mesa de voto.

Os idosos em lares de idosos vão poder exercer o direito de voto sem terem de sair das instalações.

Para isso, os idosos que estão em lares deverão poder fazer a inscrição para o voto antecipado entre 14 e 17 de janeiro, podendo exercer este direito entre os dias 19 e 20.

Os votos serão recolhidos por "equipas organizadas pelas autarquias", com o apoio da Administração Eleitoral e também das forças de segurança, que se deslocarão aos lares.

Nestas instalações também deverá ser "encontrado um espaço para exercício do direito de voto e o acompanhamento pelos representantes das candidaturas".

 

PESSOAS EM ISOLAMENTO PROFILÁTICO

Idêntico processo será aplicado às pessoas que se encontram em isolamento profilático nas suas casas ou outro local determinado pelas autoridades sanitárias.

 

CONSULTE

Saiba como e quando pode exercer o VOTO ANTECIPADO

 

Município de Vila Verde, 11.01.2021


concursos de admissão de trabalhadores

             

 

 Facebook  Flickr  Issuu  YouTube  Instagram  Newsletter - Juntos Fazemos Vila Verde

Presidência Presidência

COVID-19 - “NUNCA COMO AGORA PRECISAMOS DE SI” - Mensagem do Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde

Caras(os) Vilaverdenses,   Enfrentamos, nesta altura, uma segunda vaga da pandemia COVID-19 que está a ter um impacto muito preocupante na saúde de um número crescente de pessoas e reflexos bastante graves na situação económica e social do país. Começo por manifestar a minha...

Documentos recentes Documentos recentes

Divulkgação dos resultados da qualidade da água da rede pública

 

 

FICHA TÉCNICA

Gestão, Conceção e design gráfico
Unidade de Sistemas de Informação e Unidade de Inovação e Conhecimento

M;anutenção, edição e manutenção
Serviços do Município de Vila Verde

 Agradece-se a comunicação de qualquer anomalia técnica ou outro tipo de dificuldade relacionada com a utilização do site. Para o efeito, envie email para helpdesk@cm-vilaverde.pt.
Este projeto foi cofinanciado pelo projeto Cávado Digital MAIS (POVT)

PROTEÇÃO DE DADOS

O Municipio de Vila Verde, na sequência do exercício de funções de interesse público e exercício da autoridade pública, está profundamente empenhado na implementação de processos que recolham e tratem os dados pessoais adequados, pertinentes e limitados ao que é necessário relativamente às finalidades, cumprindo com os princípios de licitude, lealdade, transparência e minimização.

Adicionalmente, são implementadas, e continuamente avaliadas, medidas técnicas e organizativas consideradas adequadas à salvaguarda da informação mantida sob responsabilidade do Município. Os dados pessoais recolhidos serão conservados pelo tempo estritamente necessário, seja para cumprimento de prazo certo expressamente fixado por Lei ou outro proporcional e adequado ao objetivo da recolha.

Os titulares dos dados pessoais, tratados sob responsabilidade do Municipio, podem exercer os direitos de acesso, retificação, oposição, apagamento, limitação e portabilidade, nas situações aplicáveis, por meio de requerimento específico. Existe um Encarregado de Proteção de Dados designado, que pode ser contactado através do email dpo@cm-vilaverde.pt, ou via postal dirigido ao mesmo e endereçado para a morada Praça do Município 40, 4730-728 Vila Verde.

Para mais informações consulte a nossa  Política de Privacidade.

AVISO LEGAL

O Município de Vila Verde, através de seu portal na Web fornece informações de interesse geral do concelho de Vila Verde, em especial, a informação e os esforços da organização municipal. A informação fornecida é atual no momento da sua publicação.
O Município de Vila Verde pretende que esta informação seja exata e precisa e procede à sua atualização com a maior frequência possível, tentando evitar erros e corrigi-los, assim que os deteta. No entanto, o Município de Vila Verde não pode garantir a ausência de erros ou que o conteúdo da informação seja permanentemente atualizado.
O Município de Vila Verde pode levar a cabo a qualquer momento e sem aviso prévio, modificações, supressões ou alterações das informações publicadas ou ser capaz de alterar a configuração ou a apresentação.
O acesso ao portal da Web, bem como a utilização das informações que ele contém, são da exclusiva responsabilidade do utilizador. O Município de Vila Verde não é responsável por quaisquer danos que possam decorrer destes factos, nem pode garantir que o acesso não seja interrompido, ou que o conteúdo ou software acedido esteja livre de erros ou causa de dano.
As informações prestadas em resposta a qualquer pergunta ou pedido de informação são meramente indicativas e em nenhum caso será vinculativa para a resolução de procedimentos administrativos, que são estritamente sujeitos às normas legais ou regulamentares que sejam aplicáveis.
Os conteúdos publicados incluem links para páginas de terceiros, web sites, principalmente de outras entidades públicas, que são considerados como podendo ser de interesse para os utilizadores do Portal. O Município de Vila Verde não assume qualquer responsabilidade derivada das ligações ou do conteúdo desses links.