• Chegada ao Albergue

    Chegada ao Albergue

  • Albergue de Peregrinos de S. Pedro de Goães

    Albergue de Peregrinos de S. Pedro de Goães

  • Dormitório

    Dormitório

  • Espaço de refeições

    Espaço de refeições

  • Dormitório

    Dormitório

  • Vista panorâmica do Albergue

    Vista panorâmica do Albergue

  • Dormitório

    Dormitório

  • Placa de inauguração

    Placa de inauguração

  • Iconografia do Caminho Português de Santiago

    Iconografia do Caminho Português de Santiago

  • Testemunho de um peregrino

    Testemunho de um peregrino

  • Chegada dos peregrinos

    Chegada dos peregrinos

  • Chegada ao albergue

    Chegada ao albergue

O Albergue de Peregrinos S. Pedro de Goães em Vila Verde encontra-se instalado numa antiga escola primária desta freguesia, que serviu durante muitos anos para o ensino de inúmeras crianças e hoje faz parte da memória colectiva.
Após várias obras de restauro e adaptação, foi inaugurado no dia 9 de Abril de 2011, na sequência de uma parceria entre o Município de Vila Verde, a Junta de Freguesia de Goães e a Associação Confraria de S. Tiago - Espaço Jacobeus.
Imbuídos por um espírito solidário, pretendemos criar condições de acolhimento e conforto aos peregrinos que percorrem o Concelho de Vila Verde (cerca de 16Km) a caminho do túmulo do apóstolo Santiago, potenciando ao mesmo tempo a descoberta do riquíssimo património cultural, nas suas mais variadas vertentes, as tradições, usos e costumes, os monumentos religiosos e civis, a gastronomia típica, sem esquecer a beleza paisagística que o envolve.
As instalações do albergue suportam duas camaratas com beliches e colchões, com capacidade total para 30 pessoas. Possui seis casas de banho, cinco delas equipadas com duche. No hall de entrada, disponibiliza-se uma pequena biblioteca com referência a escritores e apontamentos alusivos a Vila Verde. A cozinha reúne as condições de higiene e segurança exigidas e permite a confecção de refeições para um total de 30 pessoas.
Inserido em pleno Vale do Neiva, Goães, é abundante em água, sendo esta uma das suas grandes riquezas naturais que propicia terras férteis para a agricultura e para a riqueza do património natural, que ainda hoje podemos desfrutar da sua grande beleza.
A escassos metros encontra-se o rio Neiva, rio que inspirou o poeta Francisco Sá de Miranda, que por estas terras viveu mais de vinte anos. A ponte medieval que o atravessa serviu durante vários séculos de passagem a milhares de peregrinos a caminho de Santiago. Tendo sido motivo de inspiração para a criação do logótipo do albergue.
Com este equipamento o Concelho de Vila Verde ganha mais um espaço cultural e social, aberto, igualmente, a toda a comunidade concelhia.
Esperamos que todos os peregrinos que por aqui passam queiram voltar e que este Concelho continue a ser conhecido como terra de gente hospitaleira, que faz sentir em casa quem por aqui passa!